3 Ecos da Falésia: O FOGUETÓRIO

segunda-feira, maio 01, 2006

O FOGUETÓRIO

Eu ainda estou para saber de que profundo recôndito, da alma Lusa, brota, de tempos a tempos, este exacerbado fervor pelo foguetório.
Todos os anos, à conta dele, há a registar uns tantos mortos e feridos, muitos deles, crianças.
Ainda ontem, em Vale da Trave (Santarém) não houve quem os travasse e, quando um conjunto de foguetes rebentou, simultâneamente, lá foram mais três parar ao hospital.

E, mesmo em época de incêndios, pode o Senhor Ministro António Costa decretar, à vontade, a sua proibição, que haverá, sempre, um número elevado de adeptos da desobediência cívica, mesmo não tendo frequentado, com aproveitamento e distinção, aqueles cursos especializados do Bloco de Esquerda.
A propósito, o próximo é já em Julho e, a quem possa interessar, podem, aí, aprender-se a fazer boicotes, ocupação de espaços públicos, resistir a uma agressão policial, enfim, qualquer técnica de desobediência civil.

Adiante:
Neste último fim de semana, estava eu, supostamente, posta em sossego, na simpática vila piscatória de Sesimbra, preparadíssima para umas preguiças matinais, quando, às 8 horas da manhâ de Sábado, acordei, de chofre, com o coração a saltar-me pela boca, mercê do estrondo dum morteiro que parecia ter rebentado por cima do telhado.
Seguiram-se uns tantos foguetes, intercalados com mais morteiros, até ser absolutamente garantido que nem uma única alma se tinha safado ao despertar obrigatório.
Há, lá maneira mais bonita de abrir os olhos, pela manhã?
Bem sei que, ali, não há perigo de incêndio, uma vez que os foguetes são dirigidos para o mar.
Mas, talvez devido à minha condição de "urbana", nada e criada, aquele estrondear não consegue senão provocar-me uma desagradável sensação de desconforto e irritação.

Agora: Se o mesmo se passa em todos os pequenos Municípios do País, nesta altura do ano, o que dizer deste, que, logo à frente, tem um autarca com o nome de AUGUSTO PÓLVORA?

TLIM

1 Comments:

At 3:21 da tarde, Anonymous bocarra maldosa said...

Os foguetes, como devia saber, têm várias utilidades:
Põem os bebés a chorar, com o susto. Fazem os pássaros levantar voo,em grandes revoadas, porque os desorientam. Levam os cães a uivar, porque o ruído lhes é insuportável, uma vez que o seu sentido de audição é mais apurado do que o nosso.
E,ainda, conseguem despoletar alguns alarmes de carros, com o impacto causado pelo estrondo.
Só coisas boas.

 

Enviar um comentário

<< Home