3 Ecos da Falésia: SANEAR O PAI NATAL

quinta-feira, novembro 09, 2006

SANEAR O PAI NATAL

Segundo os jornais de hoje, Hugo Chávez, o sempre bem humorado presidente da Venezuela, veio dar mais um arzinho da sua graça e espírito democrático de bom cristão, ao proibir toda e qualquer imagem do barrigudo Pai Natal, renas, pinheiros enfeitados, ou botinhas vermelhas, em qualquer local público, lojas, escritórios, ou mesmo no aconchego do lar de cada um.

Sabendo-se, como se sabe, das negociatas obscenas desta figura com a Coca Cola e como ambas, a exemplo de tudo o que vem dos States, exalam aquele terrível cheiro a enxofre, pode dizer-se que foi uma medida higiénica.
Esteve bem o presidente.
O Natal só deve ter presèpiozinhos, canções do folclore local e devem comer-se, apenas, pratos da cozinha regional Venezuelana, tal como as "hallacas", que não sabemos, exactamente, o que são, mas se o Senhor Presidente recomenda, é porque é bom.
Não sei porquê, isto fez-me lembrar os nossos antigos Natais, do tempo da outra senhora, em que também só se montavam presépios e Coca Cola, nem cheirá-la.
Partidas que a memória nos prega.
Bom.
Agora os tempos são outros, mas eu aconselhava o Senhor Presidente da Câmara de Lisboa a pôr os olhos no bom exemplo que chega da Venezuela e a criar uma Portaria qualquer, que visasse impedir a invasão de Pais Natal insufláveis, made in Cina, pendurados das janelas e varandas dos nossos prédios.
A bem da higiene visual.

TLIM

11 Comments:

At 3:30 da tarde, Blogger Sininho said...

Queria dizer "made in China", mas saiu gralha.

 
At 3:51 da tarde, Blogger 'mega' said...

'sininho, se o engano era diferente e ficava "made in Cinha" ai sim era preocupante...'

 
At 4:06 da tarde, Anonymous Gota Seca said...

He he he, esse Pai Natal deve pertencer ao Bloco de Esquerda...

 
At 4:52 da tarde, Anonymous io said...

Não era proibido ...proibir

 
At 5:53 da tarde, Blogger Sininho said...

Caro Mega:
Era bem mais grave, era.
Queria dizer que os Pais Natal seriam ainda mais "insuflados"...

Cara Gota:
Vejo que é boa observadora.
Mas era mais apropriado ter escrito HO HO HO...

Caro(a) Io:
Nunca sei como devo dirigir-me a si.
Não era, de facto.
Mas como agora é, o meu conselho à Câmara vai caír em saco roto.

 
At 7:51 da tarde, Blogger Luis Eme said...

Há cada defensor da liberdade... que até assusta.
Mas o pior são as Chavez que o senhor tem do país (mais de sete...).

 
At 8:19 da tarde, Blogger Sininho said...

Pois é, Luís.
E para não largar as chávez, lá obsequiou os funcionários públicos com um subsídio de Natal a triplicar, que as eleições estão à porta...

 
At 1:21 da manhã, Blogger Pedro said...

O Chavez no fundo é um aliado dos EUA e do Ocidente: como se pode censurar um homem que tem "cojones" para proibir essa figura obnóxia que tem barbas brancas tal como Fidel Castro e Karl MArx e se veste de... vermelho. Só lhe falta fumar charutos e dar-se bem com o Irão.

 
At 2:42 da tarde, Blogger Sininho said...

Sabe, Pedro, estou tentada a concordar consigo.
Nos dias que correm, já náo se pode confiar nem no Pai Natal!!!

 
At 8:38 da tarde, Blogger Cris Caetano said...

O populismo barato não faz bem a nenhum país, principalmente na América Latina. A história comprova!!! Que o Chavez deixe o pobrezinho do Papai Noel em paz, envolto naquela barba calorenta ao sol de 40º à sombra...ufa!!!

 
At 9:09 da tarde, Blogger Sininho said...

Cris:
Quanto menos esclarecido é um povo, mais fácil lhe é caír em populismos baratos.
Lá, como cá.
E os políticos aproveitam...

 

Enviar um comentário

<< Home